Quadras da Vila Olímpica são reformadas e entregues à população amazonense

0
290
Após manutenções, as praças esportivas da Vila Olímpica de Manaus, localizada no bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste da capital, foram entregues na manhã desta quinta-feira (19/07), às 9h, para o público participante dos Jogos Escolares do Amazonas (JEA’s) e para a população amazonense como um todo. A partir de agora, as quadras passam a contar com nomes de personalidades que contribuíram grandemente para a promoção e desenvolvimento do esporte no Estado como Armando Jimenes, do judô, Waldemar Baía, do futsal, e Danilo Peres Júnior, do vôlei.
Para o Secretário de Estado de Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), Manoel Almeida, a entrega das quadras é carregada de simbolismos. “Os nomes escolhidos para as homenagens, Danilo Peres, Waldemar Baía e Armando Jimenes, representam o atleta, o servidor e a federação, além de serem figuras que contribuíram de forma imprescindível para o esporte amazonense.  O Baía (como era chamado Waldemar), por exemplo, foi servidor desta secretaria e atuava ainda como colaborador, ensinando e passando seus conhecimentos como técnico de futsal a várias crianças, jovens e adultos que por aqui passaram. Essa é uma forma de reconhecimento a todos que contribuíram com o desporto no Amazonas e ficamos felizes com essa bela recepção do público para com as homenagens feitas”, afirmou.
O titular da pasta ressaltou ainda a abrangência atingida pela competição em Manaus. “É a primeira vez que o JEA’s consegue reunir vários municípios para participar do evento sendo que destes, 57 participaram da fase de seleção e 43 estão em Manaus para participar da etapa classificatória dos jogos, o que mostra a dimensão cada vez maior do JEA’s no Amazonas”, destacou Almeida que, até o final de setembro, afirmou que será feita a entrega da piscina olímpica, com a participação da Aeronáutica, Ministério dos Esportes e a empresa responsável pela montagem, a Myrtha Pools.
Preparadas especialmente para o JEA’s, as quadras receberam serviços de reforma na rede elétrica, nos refletores, troca de lâmpadas, manutenção do piso da quadra, pintura do piso com epóxi, pintura das paredes e das estruturas metálicas, manutenção e pintura do guarda-corpo, revisão dos equipamentos esportivos de acordo com a especificidade da quadra, além de revisão na cobertura de cada uma delas.
Homenagens – O professor Baía, como era conhecido Waldemar Baía Soares, foi o fundador, único diretor, presidente e técnico do Atlético Bahia Clube (ABC), equipe oriunda do bairro São Francisco, na zona Sul de Manaus, e foi campeã amazonense de futsal por oito vezes. Baía revelou vários jogadores de sucesso, como França, que atuou no Nacional Futebol Clube e teve seu auge quando jogou pelo São Paulo Futebol Clube, e Júnior Negão, que atua pelo Clube Atlético Mineiro. Ícone do futsal no Amazonas e também ex-servidor da Sejel, Baía era conhecido por todos e foi um dos grandes nomes da modalidade, tendo contribuído de maneira fundamental para a construção do esporte no Estado.
O segundo homenageado, Danilo José Sobral Peres Júnior, iniciou sua trajetória no voleibol ainda no colegial, onde jogou pelo Olímpico Clube, Atlético Rio Negro, Jonasa e foi integrante da seleção amazonense da modalidade por dez anos (1972 a 1982). Por duas vezes subiu no pódio ao conquistar a terceira colocação na divisão especial do Campeonato Brasileiro de Seleções do Voleibol, representando o Amazonas. Casou com Irlanda Peres, também atleta da seleção amazonense, com quem teve três filhos que, também praticam a modalidade. Presente no ato, Irlanda lembrou da dedicação do homenageado ao esporte que tanto amava.
“O meu sentimento e o de toda a nossa família é de gratidão por essa homenagem em que ele foi lembrado por tudo o que fez ao voleibol amazonense. Danilo sempre foi um homem disciplinado e empenhado naquilo que acreditava, que era ajudar as pessoas. Agradecemos a todos os envolvidos e, mais ainda, ficamos gratos pelo espaço que está sendo entregue, pois temos certeza que será de grande valia para o esporte como um todo”, disse Irlanda.
Representando um dos precursores do judô no Amazonas, o terceiro nome homenageado foi o juiz aposentado, jornalista e atleta de artes marciais, Armando Jimenes da Silva, que era faixa preta de judô 5º dan (godan), de karatê e de jiu-jítsu. Foi ele o fundador de uma das primeiras academias da modalidade no Estado, a Academia Jimenes (1969), situada no bairro Cachoeirinha, e que reuniu grandes nomes das artes marciais amazonenses. Chegou a assumir a presidência da Federação de Judô do Amazonas (Fejama) na década de 90, sendo homenageado em 2006, ocasião em que deu nome à competição de abertura daquele ano. Seu filho, Amílcar Jimenes, destacou a alegria desse gesto tão simbólico e expressivo para os familiares do judoca.
“Não podíamos ficar mais felizes com esse reconhecimento. Foi uma grata surpresa essa homenagem e pudemos relembrar tudo aquilo que ele foi e viveu no esporte. Enquanto teve forças, meu pai lutou pelo judô e se dedicou com afinco a essa modalidade. Tenho certeza que ele estaria orgulhoso de saber que seu trabalho foi valorizado e reconhecido por tantas pessoas. Gratidão é o sentimento expressado neste momento por nós, familiares, pelos amigos, ex-alunos e todos os que tiveram a oportunidade de conhecer e vivenciar o judô, que era o esporte que ele tanto amava”, lembrou Amílcar.
A filha de Armando, Cecília Jimenes, disse que foi uma enorme satisfação poder ver a homenagem feita ao pai. “Me alegra ver como meu pai, que sempre foi uma pessoa muito especial para mim e para todos que o cercavam, teve seu trabalho e sua dedicação reconhecidos. A saudade é imensa, mas tenho certeza que o seu legado vai ficar eternizado na memória de todos nós que o conheceram e daqueles que ainda irão conhecer a sua trajetória e contribuição para o esporte no Amazonas”, finalizou.
Reneé Monteiro – Reformada e pronta para o JEA’s, também foi feita a entrega na tarde desta quinta-feira (19/07), às 15h30, da quadra poliesportiva Reneé Monteiro, situada na Avenida Constantino Nery, bairro São Geraldo, zona Centro-Sul. A Sejel conta agora com praças esportivas totalmente revitalizadas e que servirão para a prática de diversas modalidades individuais e coletivas no Amazonas, atendendo a atletas de todas as idades e categorias.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here